Passado, Presente e Futuro Parte I-José C. Santos-contos 3ºgrau-Epis.I
Contos de 3º Grau...
Publicado a 01 de Setembro de 2016

Passado, Presente e Futuro - Parte I por José Carlos Santos nos contos de 3º grau - História 9/Episódio I

Contos de 3º Grau...

Clube de Matemática SPM

Facebook Clube SPM

Título: “Passado, presente e futuro - Parte I” - História 9

        Episódio I - José Carlos Santos        Episódio II - José Veiga de Faria            Episódio III - Sílvio Gama
        Episódio IV - Carlos Marinho           Episódio V - Gonçalo F. Gouveia





Episódio I por José Carlos Santos - Dia 1


O Jorge e a Renata estavam a disfrutar a Natureza. Ou, melhor dizendo, estavam a tentar. Como era frequente neles, tinham ido dar um passeio de carro e tinham parado num local isolado, para, como costumava dizer a Renata, «escutar o silêncio». Desta vez, tinham voltado a um sítio onde já tinham ido por diversas vezes e que ficava num pinhal onde só havia acesso após se caminhar um bom bocado a pé. Das vezes anteriores, tudo correra bem. Mas desta vez havia um barulho que os incomodava.


Era um bocado difícil descrevê-lo. Era algum tipo de zumbido que tinha sempre a mesma intensidade e que vinha sempre do mesmo local. Normalmente, durava alguns minutos, mas o tempo de duração variava bastante. Em contrapartida, os períodos de silêncio eram todos de cerca de um minuto. Não era um barulho muito intenso, mas era desagradável.


Quando já estavam para ir embora, o Jorge fez notar que, pela primeira vez desde que tinham chegado, o silêncio estava a durar há vários minutos. Será que tudo tinha acabado? Foi nessa altura que, vindo da parte mais densa do pinhal, que também era de onde vinha o barulho, apareceu um homem. Tinha o ar de estar muito cansado e a sua roupa era estranha, pois, fora o calçado, era toda de uma só peça. Quando encarou com o casal, começou imediatamente a falar:

— Cumprimentos! Lastimo importunar e não faria isto se tivesse alternativa, mas preciso de ajuda.


O Jorge e a Renata mostraram-se dispostos a ajudar e o homem continuou, mas desta vez após alguma hesitação.

— Eu explico. É que eu sou um viajante do futuro.



Episódio II por José Veiga de Faria - Dia 6

 


Episódio III por Sílvio Gama - Dia 12


Episódio IV por Carlos Marinho - Dia 18


Episódio V por Gonçalo F. Gouveia - Dia 24


FIM