O Clube de Matemática da SPM no Agrupamento de Ermesinde...
Clube de Matemática SPM - Na Escola com...
Publicado a 15 de Setembro de 2017

FO Clube de Matemática da SPM no Agrupamento de Escolas de Ermesinde...   

Clube de Matemática SPM - Na Escola com...

 

Clube de Matemática SPM

Facebook Clube SPM


O Clube de Matemática da SPM no Agrupamento de Escolas de Ermesinde...


O clube de matemática da spm falou com o coordenador do Departamento de Matemáticas e Tecnológicas do Agrupamento de Escolas de Ermesinde, o professor de matemática Raul Aparício Gonçalves sobre o clube de matemática da escola e da promoção de outras iniciativas do grupo. Aqui ficam as principais soluções desta conversa.




A vossa escola tem um clube de matemática. Como funciona?

Sim, voltamos a ter um clube de matemática, em 2016/2017 por iniciativa do grupo de matemática e foi dinamizado por quatro professores, a Ângela Coimbra, a Armandina Maia, a Helena Morais e eu. No reatamento e havendo dificuldade em compatibilizar horários não trabalhamos com alunos em espaço próprio, mas chegamos aos alunos de outras formas. E nem tudo o que planeamos conseguimos por razões alheias à nossa vontade. Tencionamos este ano criar esse espaço específico, mas estamos ainda a estudar as condições.


E qual é a importância do clube para os alunos?

No âmbito do plano estratégico de promoção do sucesso escolar elaboramos na escola algumas medidas, uma das quais relativas à matemática. Uma das actividades previstas  relacionava-se com a criação do clube de matemática porque sabemos que os alunos necessitam de motivação para a sua aprendizagem. Entendemos que havia necessidade de levar a matemática aos alunos de uma forma diferente e, ir além dos concursos de resolução de problemas (Olimpíadas Portuguesas da Matemática e Canguru Matemático) que já habitualmente fazemos. A primeira prioridade passa por cumprir os programas, restando pouco tempo em contexto de sala de aula para outras soluções que motivem os alunos para a disciplina. Contudo, no pouco tempo que resta, quisemos criar um ambiente motivador para a aprendizagem da matemática, complementar com o que grande parte dos professores vão fazendo nas aulas, partindo de curiosidades, desafios, etc… 


Em maio deste ano o Clube SPM deslocou-se à vossa escola para duas palestras matemáticas para alunos do 6º, 7º e 8º anos. Como correu?

As palestras correram muito bem, foi mais uma oportunidade de falar de matemática de forma descontraída e atrativa, de lhe reconhecer mais importância. Os alunos manifestaram interesse e isso foi muito importante. 




Nas duas sessões estavam para cima de 120 alunos. Acreditam que também é por aqui que se entusiasmam os alunos para a matemática?

A imagem da matemática e a perceção da sua importância não se mudam de um dia para o outro, e não foi a sessão que resolveu definitivamente o problema, nem era isso que se esperava, mas é através destas pequenas oportunidades que tal se vai conseguindo e neste sentido foi uma sessão de muito sucesso. 


O plano de atividades do grupo disciplinar para este ano para além do clube, o que vai ter mais?

Neste momento apenas estão previstos os concursos Canguru Matemático e as Olimpíadas Portuguesas de Matemática. As OPM é um concurso mais difícil para os nossos alunos devido às exigências do concurso.  


A participação dos alunos nas iniciativas do grupo de matemática tem sido …

Tem sido um participação sobretudo na elaboração de uma folha online periódica de divulgação da matemática, uma participação na observação dessa folha por incentivo dos professores de matemática, também através de QRCode para acesso por smartphone ou tablets e aproveitamento de algum desse conteúdo no desenvolvimento das aulas. Mas queremos que seja mais e melhor, para o que contribuirá as sugestões feitas pelo responsável do Clube de Matemática da SPM na visita que nos fez e em que reuniu com os professores dinamizadores do clube de matemática.


...


Em maio de 2017, o clube de matemática da spm esteve presente neste agrupamento cumprindo um pedido do grupo disciplinar, que aceitou com muito gosto onde ministrou duas sessões para mais de 120 alunos com Boa ou Má Temática. 


Por Carlos Marinho