Se e Só Se por José Carlos Pereira - Novas Oportunidades – Final

Eixos de Opinião de Janeiro de 2021

José Carlos Pereira - Professor de Matemática. Autor de Livros Escolares. Responsável pelo Site Recursos para Matemática. (Ler +).


Título: Novas Oportunidades – Final

Desde o meu último texto que uma nova esperança invadiu a nossa vida. A vacina é uma realidade, conseguida num tempo recorde e com o contributo de muitos cientistas espalhados pelo mundo. É uma vitória da Ciência. Estamos mais perto de superar esta Pandemia! 

Depois de tudo o que relatei nos dois últimos textos decidi então criar um canal no Youtube – MathSuccess Fátima – onde pretendia colocar alguns vídeos que pudessem ajudar os alunos que iriam fazer a prova do Exame Nacional de Matemática A. 

Assim o pensei e assim o fiz. Comecei por elaborar uma lista, a que chamei Preparar o Exame 2020 | Matemática A, com dezanove vídeos que cobrem todos os conteúdos que são objecto de avaliação em exame. 

Registo de uma parte do vídeo 10

Ainda comecei a criar mais duas listas – Limites e Equações e Inequações – mas rapidamente percebi que não era só com estes vídeos que poderia ajudar ou fazer alguma diferença. Tinha de pensar numa outra estratégia, outra ideia. 

Durante uma noite mal dormida surgiu a ideia que procurava! 

“Aulas Abertas! E se eu fizesse umas aulas abertas? É isso! Se fiz sessões para professores por que razão não faço também para alunos?”

De manhã, entusiasmado com a ideia que tinha tido durante a noite, disse à minha esposa o que pretendia fazer! A minha esposa, apanhada de surpresa, e um pouco confusa, perguntou-me o que eu queria dizer com aulas abertas, qual era a minha ideia.

Expliquei-lhe, era simples. Através da minha conta no Zoom iria dar um conjunto de aulas, em directo, para quem quisesse assistir. As aulas seriam de acesso livre e os alunos poderiam colocar as suas questões sobre o que eu estava a fazer. Nesse mesmo dia elaborei um plano e lancei a ideia no Facebook. A primeira aula seria dali a uns dias, sobre o meu tema preferido, Combinatória e Probabilidades. As aulas seriam ao sábado de manhã e cada uma delas seria dividida em três sessões com uma duração de 45 minutos a uma hora. Essas sessões seriam gravadas e disponibilizadas no canal. Estava feliz! 

No primeiro sábado entrei na minha conta do Zoom dez minutos antes do início da primeira aula. Já tinha alunos à minha espera, o que me surpreendeu! Nesse dia, ao todo, estiverem presentes cerca de trinta alunos. Esse número foi aumentando à medida que as aulas foram decorrendo, chegando a ter picos de setenta alunos na sala.

Registo de uma parte da Sessão 1 da Aula 1

Para conseguir fazer tudo o que queria, as aulas, que eram para ser só aos sábados, passaram a ser também às quartas-feiras, mas estas com duas sessões. A timidez inicial, a minha e a dos alunos, foi-se dissipando e com o passar do tempo as aulas foram decorrendo normalmente. Ao todo gravei dezoito aulas, 49 sessões, que podem ser vistas aqui e, nos dias anteriores à prova, ainda fiz mais duas aulas só de esclarecimento de dúvidas, que não foram gravadas. Houve alunos que assistiram a todas as aulas e outros lamentaram-se por só terem tomado conhecimento a meio! Foi uma grande aventura, quase sem rede, e uma experiência enriquecedora que irei repetir este ano, não exactamente nos mesmos moldes, mas posso adiantar que este ano haverá, novamente, aulas abertas! No final foi bom receber o feedback de alguns alunos antes e após terem recebido as suas notas, senti que fiz alguma diferença. 

O ano de 2020 perdurará na minha memória como o pior de sempre. No entanto, foi também em 2020 que a minha vida profissional mudou. Os desafios que enfrentei obrigaram-me a procurar novas soluções para que pudesse continuar a desenvolver o meu trabalho. Com maior ou menor dificuldade fui conseguindo ultrapassar as barreiras que 2020 me foi colocando pela frente e apesar de tudo o que de mau representa, este foi um ano de muitas aprendizagens. Além disso, conheci um conjunto de pessoas com as quais desenvolvi uma amizade que quero manter enquanto for vivo. Nem tudo foi mau. 

Como escrevi no início, já temos a vacina que nos enche de esperança. Melhores tempos virão!  

Desejo a todos um muito melhor e extraordinário ano de

 

 

Publicado/editado: 04/01/2021